domingo, 20 de dezembro de 2015

O lutador brasileiro, Rafael dos Anjos, deu uma declaração um tanto polêmica e ao mesmo tempo um pouco mal interpretada por alguns. O lutador que é campeão mundial dos peso leve do UFC, contou antes de conquistar o título, que já sabia que seria o campeão mundial antes mesmo de entrar para o octógono porque segundo ele, "Jesus havia lhe dito".

Dessa vez antes de enfrentar o seu último adversário, que foi na madrugada deste último sábado, o lutador que é cristão deu outra declaração que envolve o nome de Deus. Ele contou em entrevista que somente Deus pode tira-lhe o título.

"O cinturão foi um presente de Deus na minha vida, foi um sonho que Deus me deu forças para realizar. Eu não sei, pode ser que eu venha a perder o cinturão um dia, a gente não sabe, está nas mãos de Deus, mas com certeza não vai ser para um cara que não dá o mínimo valor. Estou focado, treinei firme e esse cinturão vai ficar comigo, porque só quem me deu [Deus] pode tirá-lo de mim", declarou o lutador.

Seu adversário deu declarações que não se importa com o cinturão e nem com o título, que seu desejo para essa luta é somente conquistar a grana da vitória, e que o cinturão não significa nada para ele.

Rafael dos Anjos ganhou a luta nesse sábado nocauteando o adversário de forma avassaladora em apenas 66 segundos de luta, mantendo o título dos peso leve do UFC. Informações e fonte "Combate".

0 comentários:

Postar um comentário