quinta-feira, 21 de julho de 2016

As imagens do sistema de câmeras da Catedral do Divino Espírito Santo, em Bauru, São Paulo, flagrou um suposto fiel roubando o dízimo das doações da igreja. De acordo com o padre da igreja, Marcos Pavan, o homem tem 56 anos, e frequentava a missa todos os dias no mesmo horário, fazendo o que todo fiel tem costume de fazer.

O homem foi preso na quarta-feira (20) pela Polícia Civil, sendo conduzido até a delegacia, onde confessou os furtos. Foram apreendidos com o homem cerca de 455 reias, um ponteiro de metal, uma pinça e uma chave. De acordo com o padre, a igreja teve mais de 2 mil reais de prejuízo

O homem atuava quando o movimento da igreja diminuía, entrando em uma das salas da catedral, arrombando o cadeado do cofre onde fica o dinheiro do dízimo e outras doações, pegava o valor que estava dentro da caixa e trocava o cadeado do cofre.

Quando funcionários da igreja perceberam que não estava conseguindo abrir o cofre, trocaram o cadeado, descobrindo que não existia dinheiro dentro. Os furtos aconteceram repetidas vezes, até que o padre decidiu instalar câmeras na igreja. Informações e fonte 'G1'.

0 comentários:

Postar um comentário