quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Após sentir ciúmes da relação que o marido tinha com os filhos, esposa do pastor toma atitude brutal e mata marido após 30 anos de relacionamento.


Uma mulher de 44 anos, foi presa na quarta-feira (21) após confessar o assassinato do marido, alegando suspeitar que o marido tivesse abusado sexualmente dos filhos. O casal tinha dois filhos, uma menina com 20 anos e um adolescente de 16, onde ambos negaram qualquer tipo de abuso do pai.

O caso aconteceu em Ceilândia Norte, Distrito Federal, na noite de terça-feira (20), mas só foi descoberto no dia seguinte, depois de um dos filhos do casal encontrar o corpo do pai e chamar a polícia.

A vítima foi identificada como Damião Diniz de 46 anos, que era pastor da Igreja Pentecostal Renascer. O pastor levou 8 pauladas na cabeça e três facadas. Após a vítima agonizar, a mulher envolveu a cabeça do marido em uma sacola.

A mulher que foi identificada como Eva Oliveira Barbosa, vai responder por homicídio qualificado por motivo inútil, com emprego de asfixia e de emboscada para impedir a defesa da vítima. As penas pelos crimes podem chegar a 30 anos de prisão após o julgamento.



Devido os filhos negarem os abusos que a mãe relata, não será possível ser aberto uma investigação. A polícia concluiu que o crime ocorreu devido ao ciúmes da mulher que "imaginou" os abusos. Informações e fonte "G1".

0 comentários:

Postar um comentário