segunda-feira, 19 de setembro de 2016

Uma carta escrita pela mãe de uma bela criança com síndrome de Down está emocionando a todos nas redes sociais.


Uma mãe cristã da cidade de Sanford, Flórida (EUA), resolveu escrever uma carta para o médico que a orientou que aborto seria a melhor solução para a sua gravidez, logo após diagnosticar que a criança viria ao mundo com síndrome de Down.

No final do mês de maio, Courtney Baker, juntamente com a pequena Emersyn Faith de 1 ano e 7 meses colocou no correio uma carta destinada ao médico, postando também no Facebook, onde já foi compartilhada milhares de vezes e sendo exibida até mesmo em grandes jornais norte-americano.

Na carta, a mãe conta ao médico todo o seu desespero e pavor ao procurá-lo sem saber ao certo ainda o diagnostico da bebê, criticando o médico que ao invés de incentivá-la e dar apoio, sugeriu que optasse pelo aborto.

"Você sugeriu que eu matasse o nosso filho. Eu lhe disse o nome dela e você nos pediu que novamente compreendêssemos o quão baixa seria a nossa qualidade de vida com uma criança com síndrome de Down, sugerindo que reconsiderássemos a nossa decisão de continuar com a gravidez", contou a mãe.

Baker escreveu que na primeira visita ao médico o temor quanto aos compromissos foi grande, mas ela conta que o momento mais insuportável para ela foi quando o médico não contou a verdade para ela.

"O momento mais difícil na minha vida tornou-se quase insuportável porque você nunca me contou a verdade. Minha filha é perfeita", disse a mãe da menina em tom de revolta.

Quando o médico falou sobre a baixa qualidade de vida que sua filha teria, a mãe contou que o resultado está sento totalmente o oposto.

"Ela nos deu um propósito e uma alegria que são impossíveis de expressar. Ela nos deu sorrisos maiores, mais risadas e os beijos mais doces do que já conheci. Ela abriu nossos olhos para a verdadeira beleza e do amor puro", escreveu a mãe.

A postagem da carta no Facebook, além de ter sido muito curtida e compartilhada, está estimulando novos pais a partilharem suas próprias experiências.

Baker contou que ainda não sabe qual foi a reação do médico ao ler a carta, nem o efeito que a carta causou nele, mas garantiu que acredita no poder de Deus para transformar o coração do médico. "Eu não tenho ideia de como o médico pode ter reagido à minha carta, mas tenho fé que Deus pode operar um milagre e ele pode mudar qualquer coração", contou a mãe na carta.


Leia a carta na íntegra traduzida do inglês para o português:
"Caro Doutor,Um amigo disse-me recentemente de quando seu especialista em pré-natal iria ver seu filho durante seus ultra-sonografias, ele comentaria: "Ele é perfeito." Uma vez que seu filho nasceu com síndrome de Down, ela visitou esse mesmo médico. Ele olhou para seu menino e disse: "Eu te disse. Ele é perfeito."Sua história me rasgou distante. Enquanto eu estava tão grato para a experiência do meu amigo, que me encheu de tanta tristeza por causa do que eu deveria ter tido. Desejo-lhe teria sido o médico.Eu vim para você durante o momento mais difícil da minha vida. Eu estava apavorada, ansiosa e em completo desespero. Eu não sabia a verdade ainda sobre o meu bebê, e isso é o que eu precisava desesperadamente de você, a verdade. Mas em vez de apoio e incentivo, você sugeriu que terminar o nosso filho. Eu lhe disse o nome dela, e você nos pediu novamente que compreendesse o quão baixo a nossa qualidade de vida seria com uma criança com síndrome de Down. Você sugeriu que reconsiderar a nossa decisão de continuar a gravidez.A partir dessa primeira visita, nós temíamos nossos compromissos. O momento mais difícil na minha vida foi feita quase insuportável porque você nunca me contou a verdade.Meu filho era perfeito!Eu não estou brava. Eu não sou amarga. Estou realmente muito triste. Estou triste o espancamento corações minúsculos que você vê todos os dias não enchê-lo com um temor perpétuo. Estou triste os intrincados detalhes e o milagre daqueles dedos pequenos doces e dos pés, pulmões e olhos e ouvidos nem sempre lhe dão uma pausa. Estou triste que você estava tão errado dizer um bebê com síndrome de Down seria diminuir a nossa qualidade de vida. E eu estou de coração partido que você pode ter dito que, para uma mãe até hoje. Mas eu sou mais triste porque você nunca vai ter o privilégio de conhecer a minha filha, Emersyn.Porque, veja, Emersyn não só adicionado à nossa qualidade de vida, ela tocou os corações de milhares de pessoas. Ela nos deu um propósito e uma alegria que é impossível expressar. Ela nos deu sorrisos maiores, mais risadas e beijos mais doces do que já conhecidas. Ela abriu os olhos para a verdadeira beleza e do amor puro.Assim, a minha oração é que nenhuma outra mãe terá que passar pelo que eu fiz. Minha oração é que você, também, vai agora ver a verdadeira beleza e do amor puro, com todas as ultra-sonografias. E a minha oração é que, quando você vê que o próximo bebê com síndrome de Down cuidadosamente escondido no ventre de sua mãe, você vai olhar para que mamãe e me ver em seguida, dizer-lhe a verdade: ". Seu filho é absolutamente perfeito".

0 comentários:

Postar um comentário