terça-feira, 11 de outubro de 2016

Uma jovem de apenas 13 anos de idade morreu logo após entregar um jejum de 68 dias, onde segundo a família, o jejum era para atrair prosperidade para a família.


O caso aconteceu na Índia, onde a jovem de 13 anos ficou 68 dias sem comer nenhum tipo de alimento, bebendo somente água potável antes das 18 horas. Após o período de 68 dias, a família da jovem decidiu fazer um grande banquete com autoridades locais para celebrar o feito.

Após a festa, a jovem perdeu a consciência e morreu durante a madrugada. Médicos e especialistas acreditam que a jovem morreu por ter sofrido uma parada cardíaca ou de insuficiência renal, provocado por um desiquilíbrio de eletrólitos no organismo.

Existem diversas histórias contadas na Índia sobre a morte da adolescente, a mais divulgada está sendo que os pais forçaram a menina a jejuar para aumentar a prosperidade da joalheria da família, mas existe uma versão contada por um amigo da família, que a razão do jejum não era para prosperidade, pois a família não tinha problemas financeiros, o motivo era a intenção religiosa dos pais, que queriam se tornar monges.

O amigo da família contou que o jejum feito pela jovem não foi o primeiro, mas o segundo, sendo que no primeiro a jovem ficou por 34 dias jejuando, e dessa vez a meta era os 68 dias, número muito significativo para o jainismo, que remete ao alto grau de pureza, o que faz a família da jovem acreditar que ela alcançou o alto grau de pureza e foi salva. Informações e fonte "Blasting News".



0 comentários:

Postar um comentário