segunda-feira, 27 de março de 2017


O pastor Custódio Gonçalves, de 57 anos, foi morto nesse último domingo(26) a tiros, enquanto pregava no culto da noite, por volta das 20h30, na Igreja Assembléia de Deus Ministério Apascentando Ovelhas.

O crime aconteceu no bairro Santo Antônio, em Manilha, Itaboraí, Região Metropolitana do Rio de Janeiro. A polícia foi acionada, mas ao chegar no local, Custódio já estava sem vida. Ninguém sabe ainda o que teria motivado o assassinato.


Um possível suspeito de ter assassinado o pastor, foi conduzido pela polícia nesta segunda-feira(27), para prestar depoimento.

Muitas pessoas se mobilizaram em apoio a família do pastor e para homenagear Custódio nas redes sociais, que também era Guarda Municipal de Itaboraí. "Que o senhor receba o nosso irmão em seu reino e lhe dê paz e o merecido descanso", diz um dos comentários em homenagem ao pastor. Informações e fontes "G1".



0 comentários:

Postar um comentário